Tableless, por que?

O tititi se falando de tableless, web 2.0 e webstandards é cada vez mais gritante – e irritante, diga-se. E aqui estou eu, cutucando ainda mais no assunto, mas isso se deve ao fato de nos últimos eu dedicar algum tempo ao estudo disso. Quero apresentar as vantagens e principais motivos que me fizeram estudar e aplicar os padrões da web por aqui.

Falem bem ou falem mal, mas falem coisas úteis sobre Web 2.0

Já li bastante sobre Web 2.0 – bastante, não muito ou ainda o suficiente. Mas posso dizer que ás vezes é de se ficar com raiva do tanto que falam e nada resovem. Bater na mesma tecla, se existiam ou não as ferramentas, se é preciso ou não dar nome, se é evolução ou não…… Continuar lendo Falem bem ou falem mal, mas falem coisas úteis sobre Web 2.0

New York Times: web 2.0 – o fim do impresso?

Já participei de muito debate sobre o futuro da mídia impressa e continuo achando que jornais, livros e revistas ainda vão sobreviver um bom tempo, consumindo muita celulose neste mundo.<br>
<br>
Porém não é o que indica o New York Times, o editor do jornal em entrevista disse que não sabe se em cinco anos o jornal vai estar sendo impresso devido a contas fechadas no vermelho. (Estadão)

Empresário, desconfie do site barato

Muitos empresários não sabem nem por onde começar quando precisam escolher um profissional para o desenvolvimento de sites, como a profissão não é regulamentada e aconteceu a popularização de diversos softwares o empresário fica a mercê de "profissionais" sem qualificação técnica, experiência e uma mínima noção de design.

Esse texto mostra as vantagens de escolher um profissional qualificado e dá algumas dicas de como reconhecer um picareta que se diz "webdesign".

uTube, aproveitando a oportunidade

A empresa uTube aumentou o número de visitantes mensal de 1.500 para 2 milhões. O motivo é óbvio: o YouTube. Em novembro do ano passado a empresa processou o Google, pois o tráfego gerado pela confusão estava congestionando os servidores.<br><br>
<br><br>
Congestionou os servidores e vai processar o Google? Tenho uma idéia muito melhor, que felizmente a empresa também teve.

Acessibilidade na web: mercado de futuro?

Esse texto tem como objetivo conscientizar designers e desenvolvedores sobre a importância da acessibilidade nos projetos de web. Para isso são apresentados exemplos reais e indicados caminhos e material para a busca de soluções de problemas comuns as vezes não imaginados por quem não têm necessidades especiais.