Marcas e suas cores

Atualmente estou trabalhando na Identidade Visual de um cliente, e toda vez que penso em marca ou branding lembro das aulas de teorias das cores, um assunto com diferentes pontos de vista.

Defendo a idéia de que essas "normas" funcionam, temos uma tendência a interpretar as cores de uma forma muito parecida, mas acredito que as cores tem uma ampla variação em seus significados dependendo do contexto, forma como são aplicadas e também depende do usuário e suas experiências e culturas.

Se não me falha a memória na China o roxo significa morte, e o jogo Rayman teve que fazer pequenas alterações no personagem para conseguir entrar no mercado. A cultura influencia nosso modo de ver o mundo, mas eu não duvido dos livros: a experiência (como humanos, sapiens, homens das cavernas, sei lá) ainda influenciam no modo como interpretamos as cores e formas.

Ontem o @Alessandro_M comentou no Twitter (aprenda o que é Twitter e como utilizá-lo de forma eficiente) que os links azuis aumentavam a porcentagem de clicks no AdSense. Relacionei isso a internet de 1995 quando todos os links eram da mesma cor, o azul. Isso "educou" os usuários: "azul é clicável, azul é link, tá azul clica".

Esse tipo de "condicionamento coletivo", como definiu Alessandro na resposta para minha colocação, não desaparece de uma hora para outra. Por isso "as cores Mac Donalds dão fome" (será que se não te ensinassem isso o efeito seria o mesmo?), por isso o verde (natureza) é entre as cores a que mais trasmite calma, a menos "irritante".

Mas ainda acho que o bom senso está acima do que lemos nos livros, se está lá é para ser lido, digerido mas nem sempre seguido a risca, né? 🙂

 

Um ótimo link que vi hoje no twitter, entitulado Color Brands, apresenta algumas cores, as marcas que as utilizam e as palavras chaves que normalmente estão relacionadas a esta cor. 

Brand colors

 

O que você acha, as cores tem seus significados claramente definidos e devemos evitar "quebrar" essas regras ou as variações de formas (grafismos, palavras) permitem que o vermelho não seja tão agressivo, que o verde não seja tão calmo e o preto não seja tão sério?

Compartilhe suas idéias, debata, comente!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *