Boo-box: usar ou não?

Fazia tempo que eu não escrevia sobre blogs (monetização, na verdade) por aqui, mas estou a algum tempo com um texto na cabeça… sobre o boo-box, um sistema de monetização contextual muito bacana – e brasileiro.

Para quem ainda não conhece aqui vai um vídeo (antigo) do lançamento da ferramenta, pelo magnata brasileiro do marketing contextual, @marcogomes

view video[bb]

Usando

Não vou perder tempo explicando "como faass?!" para implementar boo-box, essas informações vocês encontram aqui e eu antecipo: é muito fácil  aplicar os links – e mais ainda de aplicar as vitrines.

Para quem tem noção de programação fica fácil variar tags padrões, selecionar tags para cada post e automatizar (eu adoro essa palavra…) o sistema de publicidade de um blog ou site.

Por aqui utilizo tags para cada post, se não for atribuída nenhuma seleciono algumas tags pré-definidas de forma Randômica (asp) para montar a vitrine. As possibilidades são muitas, é só ter criatividade pois a ferramenta é poderosa. 😉

Comecei a testar diretamente com as APIs nas vitrines do And After e do Eu Compraria!, o resultado foi crescimento nos rendimentos (Buscapé) e menos trabalho na hora de selecionar produtos.

Nota: Buscapé está pagando 0,30 centavos por clique no mês de maio, promoção de dia das mães… 😉

Minha solução foi boa temporariamente: eu estava lendo os resultados (xml) pelo servidor (server-side, percebam que eu não sou programador e sim designer) e isso estava causando uma demora muito grande para resposta.

Resultado: a página não carregava enquando não finalizasse a vitrine, o que foi um problema.

Temporariamente passei a utilizar os Widgets, mas eles não exibem preço e isso é um problema: queda nos cliques novamente. Os widgets são temporários por aqui, ficarão apenas enquanto desenvolvo uma ferramenta que me dê mais liberdade para personalizar a vitrine (exibir preço, nome, etc) o que certamente aumentará os rendimentos.

 

Fica aí minha recomendação, a ferramenta é muito boa e promissora. Ah, estavam recrutando desenvolvedor e designer esses tempos, para jogar wii[bb] e bolar planos de dominação mundial, mas eu, infelizmente, não fui ninja o suficiente para integrar ao time.

Você já usou boo-box? Quais foram os resultados?

Compartilhe suas experiências pelos comentários… 😉

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *