Tirinhas: a vida de Freelancer

Estava eu sábado de manhã na faculdade (a gente se sacrifica de verdade quando quer alguma coisa, não?) e o professor entra no assunto carreira/empreendedorismo que muito me agrad, e ele comentou sobre as etapas da vida profissional: empregado, autônomo, chefe, etc... o processo de evolução natural na carreira das pessoas que tentem a subir profissionalmente.

Uma etapa importante, sofrida, teneborsa mas infinitamente melhor (e as vezes muito cheia do dinheiro) do que a do estagiário é a etapa de trabalhar como Freelancer.

Se você não tem idéia do que é tratado aqui leia este pequeno dicionário de design.

Eu trabalho (pouco mais de 4 anos) como freelancer. E adoro! Mas nem tudo é dinheiro e cliente legal...

 

Vida de Freelancer

Atualmente, por exemplo, não estou aproveitando tanto finais de semana. Ok, não estou aproveitando nada finais de semana, estou tendo aula no sábado de manhã como eu já disse - e esse é o menor dos males...

 

 

Vida de Freelancer

 

Prestar atenção no Briefing para que, né senhor Empresário?

 

 

Vida de Freelancer

 

É que meu sobrinho está viajando, senão ele faria para mim... "é só uma coisinha, coisa pequena sabe?"

 

Vida de Freelancer

É, tem o lado bom. Trabalhar em casa, fazer os horários, levantar para tomar café quantas vezes forem necessárias para ter um surto criativo e poder ligar a televisão quando a cabeça dizer: "Calma! assim não vai sair nenhuma idéia daqui! Referências, referências agora!"

 

E você, já passou por muitas situações desagradáveis como freelancer? É bom, é bom...

Via kernelsys

Back to Top